Mulher de técnico do ABC é encontrada morta; clube anuncia luto oficial

Ana Letícia Rezende Fernandes Queiroz, mulher do técnico do ABC, Ranielle Ribeiro, foi encontrada morta neste sábado (5). A informação foi confirmada ao UOL Esporte pela Secretaria de Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) do Rio Grande do Norte.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil do RN, a vítima foi encontrada enforcada na suíte do apartamento onde morava, em um residencial no bairro de Nova Parnamirim, em Parnamirim (RN). As perícias necessárias foram requisitadas ao Instituto TécnicoCientífico de Perícia (Itep). O inquérito do caso deve ser concluído em até 30 dias.

Em comunicado oficial, o ABC decretou luto oficial de três dias no clube. O corpo de Ana Letícia, 39 anos, foi velado neste domingo (6). O sepultamento foi marcado para as 12h (horário local, 13h no horário de Brasília).

"A diretoria do ABC Futebol Clube, em nome dos dirigentes, conselheiros, sócios e torcedores, manifesta seus sentimentos pelo falecimento da esposa do técnico Ranielle Ribeiro, Ana Letícia Rezende Fernandes Queiroz", comunicou o clube. "Todos que fazem o ABC Futebol Clube externam os mais sinceros sentimentos ao nosso comandante, familiares e amigos, neste momento de dor e tristeza."

Nas redes sociais, o América-RN também manifestou pesar diante da perda do técnico adversário. "O América Futebol Clube vem a público neste sábado, dia 5 de janeiro de 2019, externar o mais profundo sentimento de pesar pelo falecimento de Ana Letícia Rezende Fernandes Queiroz, esposa do treinador do co-irmão ABC FC, Ranielle Ribeiro", comunicou. "O América se solidariza e manda condolências ao qualificado profissional, familiares e amigos neste momento de muita dor.

Por esporte.uol.com.br 

Nenhum comentário