Polícia Civil desarticula quadrilha que roubou mais de R$ 2,8 milhões de bancos no RN

Polícia Civil desarticula quadrilha que roubou mais de R$ 2,8 milhões de bancos no RN

A Polícia Civil prendeu cinco pessoas e procura por mais cinco suspeitos de uma quadrilha que roubou mais de R$ 2,8 milhões de agências bancárias e caixas eletrônicos no Rio Grande do Norte nos últimos oito meses. A investigação foi comandada pela Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado do Rio Grande do Note (Deicor), que detalhou a ação em entrevista coletiva concedida à imprensa nesta quarta-feira (13).

De acordo com a Deicor, as prisões começaram em janeiro, contudo a última aconteceu nesta terça-feira (13). O grupo se dividia em duas especialidades: assaltos a agências bancárias e arrombamento de caixas eletrônicos. Ainda segundo a Polícia Civil, a quadrilha tinha atuação no Ceará, Piauí, Pará, Espírito Santo, Paraíba e Mato Groso do Sul, além do estado potiguar. Cinco pessoas seguem foragidas.

Com os que foram identificados e presos, foram apreendidos dois carros, além de rádios comunicadores capazes de copiar a frequência da polícia. O grupo se dividia nas ações, levantamento de informações, corte de caixas, arrombamento de portas. De acordo com a Deicor, cara membro possuía uma função.

A investigação da Polícia Civil começaram em 23 de julho do ano passado. De lá até aqui foram 27 incursões criminosas contra agências e terminais bancários. Destas, pelo menos 25 são atribuídas pela polícia à quadrilha. Foram roubados R$ 2,5 milhões das agências e mais R$ 320 mil dos caixas eletrônicos nesses crimes.

O último arrombamento registrado foi no dia 24 de janeiro deste ano, quando uma unidade do Banco do Brasil que fica na Avenida Dão Silveira, no bairro de Candelária, na Zona Sul de Natal, foi invadida. Um homem foi preso na ocasião. As investigações da Polícia Civil continuam.

Por G1/RN

Postar um comentário

0 Comentários