Professora do IFRN de Nova Cruz vence Prêmio Educador Nota 10 na categoria 'voto popular'

A professora Patrícia Barreto, do Campus Nova Cruz do IFRN, foi a vencedora na categoria voto popular do 22º Prêmio Educador Nota 10. A premiação aconteceu nesta segunda-feira (30), em São Paulo. A educadora teve 24,22% dos votos com o projeto “Argument(Ação): o empoderamento do protagonismo juvenil”.

O projeto de Patrícia Barreto estava entre os 10 finalistas premiados, de um total de 4878 inscritos. Em sua proposta, a professora discutiu problemáticas sociais vivenciadas pelos estudantes em suas comunidades, gerando debates para aprofundar estratégias de aprimoramento de argumentação.

“As atividades geraram muitas reflexões e um engajamento social”, disse. O conteúdo, segundo ela, tomou tal grandeza que acabou gerando Desxculpa aí, um podcast feito pela professora e 115 estudantes de quatro turmas do terceiro ano do ensino médio.

Após o anúncio da premiação, a professora ressaltou que uma educação pública de qualidade pode “transformar vidas”. “Eu sonho muito que um dia todos tenham acesso a uma escola pública de qualidade, porque a educação não pode ser um privilégio para poucos, é um direito universal. Acredito muito na qualidade dos institutos federais, porque transformam vidas e fazem os sonhos de tornarem realidade”.

O Prêmio Educador Nota 10 foi criado em 1998 pela Fundação Victor Civita que, desde 2014, realiza a premiação em parceria com a Abril, a Globo e a Fundação Roberto Marinho. A premiação reconhece e valoriza professores da Educação Infantil ao Ensino Médio e também coordenadores pedagógicos e gestores escolares de escolas públicas e privadas de todo o país.

A cerimônia concedeu o prêmio maior da noite, de Educador do Ano, para Joice Maria Lamb, coordenadora pedagógica de uma escola estadual, em Novo Hamburgo (RS).

Por G1 RN

Postar um comentário

0 Comentários