Após 15 dias de protestos, servidores da saúde encerram greve

Mediante assembleia geral, realizada no auditório do Sindicato da Saúde (SindSaúde), na manhã desta sexta-feira, 20, os servidores da saúde de Natal optaram por suspender a greve em troca do cumprimento da promessa do prefeito, Álvaro Dias (PMDB), em pagar as gratificações dos funcionários que ingressaram nos quadros da Prefeitura no último concurso da saúde até o fim de janeiro.

Na tarde de ontem, 19, o prefeito já havia se reunido com um comitê de representantes dos servidores da saúde para avaliar o encerramento da greve, que acontece desde o dia 5 deste mês.

Durante o encontro, realizado no Palácio Felipe Camarão, além de se comprometer em pagar as gratificações, o prefeito também anunciou que, em fevereiro do próximo ano, deverá iniciar as negociações a respeito dos outros pontos contidos na pauta econômica das categorias.

A reunião contou com a presença de representantes do Sinsenat, Sindsaúde, Soern, sindicato dos enfermeiros e sindicato dos farmacêuticos.

De acordo com o SindSaúde, no próximo mês uma nova assembleia deve ser realizada para assegurar o cumprimento da promessa.

Postar um comentário

0 Comentários