Sesap lança campanha de combate ao trabalho infantil no período do Carnaval

Sesap lança campanha de combate ao trabalho infantil no período do Carnaval

Com o objetivo de combater e informar sobre o trabalho infantil, principalmente no período do Carnaval, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) lançou na manhã tá última quinta-feira (13) a campanha com o tema "Neste Carnaval, não deixe o trabalho infantil desfilar".A ação é organizada pelo Centro Estadual de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST Estadual) em parceria com o Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Programa RN Mais Saudável.

Neste primeiro ano da campanha irão participar os municípios que tradicionalmente possuem carnaval de rua. Foi selecionado 1 município para cada região de saúde do estado: Natal, Parnamirim, Canguaretama, Apodi, Touros, Caicó, Santa Cruz e Alexandria.

De acordo com Kelly Lima, subcoordenadora do Cerest Estadual, a campanha é de cunho educativo e informativo, não tem caráter opressor e nem vai recolher as crianças que estejam em situação de trabalho infantil. "O nosso objetivo é alertar sobre os problemas que o trabalho infantil pode causar. No ano passado, por exemplo, aconteceram 20 acidentes graves com crianças e adolescentes que não deveriam estar trabalhando e, sim, nas escolas.", disse.

Cada município irá montar estandes, identificados com o banner da campanha, para orientações e realização do trabalho educativo. Em Natal, os sete pólos do Carnaval irão receber os estandes. A campanha também orienta que as denúncias de crianças nesta situação podem ser feitas para os Conselhos Tutelares e também pelo Disque 100.

Participaram da abertura da campanha a Procuradora Regional do Trabalho, Ileana Neiva Mousinho, a Coordenadora do Programa RN Mais Saudável, Teresa Freire, além de representantes dos Cerest dos Regionais, Conselhos Tutelares, secretarias municipais de saúde e assistência social e outros parceiros.

Postar um comentário

0 Comentários