Polícia Civil solicita envio de informações para localizar corpo de vítima

Polícia Civil solicita envio de informações para localizar corpo de vítima

Policiais civis da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) deflagraram, na manhã desta segunda-feira (27), diligências visando encontrar o corpo de Francine Alves Almeida, vítima de homicídio. Ele foi sequestrado no dia 14 de março deste ano, na orla da Praia de Ponta Negra, na Zona Sul de Natal.

Com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), no mês de maio, foram concluídas as investigações acerca do crime de homicídio, praticado no dia 14 de março deste ano, quando Francine Alves Almeida e um amigo estavam na praia de Ponta Negra, na Zona Sul de Natal, tendo Francine sido identificado como membro de uma facção rival.

O principal suspeito prática do crime, Geraldo Correia de Lima Neto, 26 anos, já foi preso no dia 15 de maio deste ano. O mandado de prisão, expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca Natal, também foi referente à suspeita da prática de outro homicídio na Capital Potiguar.

Na ocasião do homicídio, ambos foram sequestrados e levados para um cativeiro, localizado na Vila de Ponta Negra. Os policiais civis descobriram a localização deste cativeiro nesta segunda-feira (27). No local, a vítima foi torturada por vários homens e obrigada a desbloquear a senha do seu celular para que os suspeitos pudessem ter acesso às fotos da vítima.

Logo após, a vítima foi levada para outro local onde foi executada. Em seguida, foi divulgado um vídeo com a vítima morta. Até o momento, o corpo da vítima não foi encontrado.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações, de forma anônima, através do Disque Denúncia 181, que possam auxiliar na localização do corpo da vítima Francine Alves Almeida.

Postar um comentário

0 Comentários